Translate

domingo, 22 de março de 2020

JOSÉ (GIUSEPPE) RIELLI - 73 ANOS DE SAUDADE


Arquivo
Humberto Franceschi



Há 73 anos falecia o compositor e instrumentista JOSÉ (GIUSEPPE) RIELLI.




Giuseppe Rielli nasceu em Pisa, Itália, em 19 de novembro de 1885.
Em 1881, com seu pai, imigrou para o Brasil.

Desde os 10 anos de idade mostrou seus pendores artísticos. Em Itu (SP), onde morava com o pai, recebeu as primeiras orientações musicais do organista da Igreja Matriz. Mesmo exercendo a profissão de marceneiro, continuava a estudar piano e harmônica, desenvolvendo a arte de consertar e afinar pianos e harmônicas.

Gravou seus primeiros discos em 1912 pela Casa Edison, em discos Odeon Record, assinando Giuseppe Rielli.


Arquivo Humberto Franceschi

Na década de 1920, continuou a gravar, mas com o nome de José Rielli.
Gravou na fase elétrica e na fase mecânica, registrando várias de suas composições durante a década de 1930 e 1940.

Acompanhou o cantor Paraguassú, ao lado de Gaó, Jonas, Petit e Zezinho, na toada Coco de Indaiá, de Ary Kerner Veiga de Castro, em 1930.

Participou, em 1931, do célebre filme musical Coisas Nossas.

José Rielli fez parte do Sexteto Piratininga, com o qual gravou, em 1932, as valsas Rapaziada do Brás e Luar de São Paulo.


Correio Paulistano
28 de agosto de 1937, p.06
http://memoria.bn.br/

Integrou a Orquestra Colbaz, dirigida pelo maestro Gaó, gravando peças de Zequinha de Abreu, como Nossa Padroeira e Tico Tico no Fubá.

Em São Paulo, atuou nas rádios Educadora Paulista, Cruzeiro do Sul, Cosmos, Record e Difusora.

Um de seus grandes sucessos foi gravado em 1946, Feijão Queimado, de sua autoria e Raul Torres, que ele gravou com Raul Torres e Florêncio, sendo sucesso até hoje em festas juninas.


Carioca, 1939
http://memoria.bn.br/


Correio Paulistano
01 de agosto de 1939, p.15
http://memoria.bn.br/

Ao lado de Raul Torres e Florêncio, José Rielli atuou por cinco anos no programa Os Três Batutas do Sertão, na Rádio Bandeirantes, tendo gravado com eles mais um sucesso, Pingo d´Àgua, de Raul Torres e João Pacífico, em 1944.

José Rielli faleceu em São Paulo, em 22 de março de 1947, aos 61 anos de idade.


JOSÉ RIELLI
Correio Paulistano
28 de agosto de 1937, p.06
http://memoria.bn.br/




José Rielli e Paraguassú

COCO DE INDAIÁ
Toada de Ary Kerner Veiga de Castro
Gravada por Paraguassú
Acompanhamento de Gaó, Jonas, Petit, Zezinho e Rielli
Disco Columbia 5.220-B, matriz 380650
Lançado em junho de 1930



José Rielli e o Sexteto Piratininga

RAPAZIADA DO BRÁS
Valsa de Alberto Marino
Gravada pelo Sexteto Piratininga
Disco Arte-Fone 4.125
Lançado em 1932



José Rielli e a Orquestra Colbaz

TICO TICO NO FUBÁ
Choro de Zequinha de Abreu
Gravado pela Orquestra Colbaz
Disco Columbia 22.029-B, matriz 381028-1
Lançado em 1931



NOSSA PADROEIRA
Valsa de Zequinha de Abreu
Gravada pela Orquestra Colbaz
Disco Columbia 22.095-B, matriz 381127
Lançado em 1932



José Rielli com Raul Torres e Florêncio


PINGO D´ÁGUA
Toada de Raul Torres e João Pacífico
Gravada por Raul Torres e Florêncio
Acompanhamento de Conjunto
Disco Victor 80-0203-B, matriz S-052979-1
Gravado em 12 de junho de 1944 e lançado em agosto de 1944



FEIJÃO QUEIMADO
Arrastapé de Raul Torres e José Rielli
Gravado por Raul Torres e Florêncio
Acompanhamento de Conjunto
Disco Victor 80-0429-A, matriz S-078344-1
Gravado em 19 de setembro de 1946 e lançado em agosto de 1946



Gravações Mecânicas

A TRIPOLI
Polca Marcha de Arona
Gravada por Giuseppe Rielli ao Acordeon
Disco Odeon Record 120.015, matriz SP-98
Lançado em 1912



BERSAGLIERI
Marcha de Gomine
Gravada por Giuseppe Rielli ao Acordeon
Disco Odeon Record 120.017, matriz SP-99
Lançado em 1912



SOBRE AS ONDAS
Valsa de Juventino Rosas
Gravada por Giuseppe Rielli ao Acordeon
Disco Odeon Record 120.026, matriz SP-102
Lançado em 1912



DOLORES
Valsa
Gravada por Giuseppe Rielli ao Acordeon
Disco Odeon Record 120.050, matriz SP-103
Lançado em 1912



MIRA USTED
Valsa
Gravada por Giuseppe Rielli ao Acordeon
Disco Odeon Record 120.162
Lançado em 1913



ÀS MARGENS DO TIETÊ
Mazurca de Giuseppe Rielli
Gravada por Giuseppe Rielli ao Acordeon
Disco Odeon Record 120.634, matriz SP-46
Lançado em 1913



MÁRIO BARRETO
Polca de A. Borges Teixeira
Gravada por Giuseppe Rielli ao Acordeon
Disco Odeon Record 137.073
Gravado em 1913 e lançado em janeiro de 1914



ALEGRIA
Valsa
Gravada por Giuseppe Rielli ao Acordeon
Disco Odeon Record 137.074
Gravado em 1913 e lançado em janeiro de 1914



MERCEDES
Habanera de I. Sica
Gravada por Giuseppe Rielli ao Acordeon
Disco Odeon Record 121.080
Gravado e lançado em 1916



O DESPERTAR DA CRIANÇA
Mazurca
Gravada por Giuseppe Rielli ao Acordeon
Disco Odeon Record 121.081
Gravado e lançado em 1916



TOUREIRO
Valsa
Gravada por Giuseppe Rielli ao Acordeon
Disco Odeon Record 121.086
Gravado e lançado em 1916




Gravações Elétricas

RAPAZIADA DE SÃO CAETANO
Valsa de José Rielli
Gravada por José Rielli ao Acordeon
Disco Columbia 8.181-B, matriz 3202
Lançado em 1936



JOLY
Mazurca de José Rielli
Gravada por José Rielli ao Acordeon
Disco Columbia 8.181-B, matriz 3203
Lançado em 1936



CÉU BRASILEIRO
Valsa Choro de José Rielli
Gravada por José Rielli ao Acordeon
Acompanhamento de Violões
Disco Columbia 55.162-A, matriz 3738-3
Lançado em outubro de 1939



ACERTE O PASSO
Rancheira de José Rielli
Gravada por José Rielli ao Acordeon
Disco Columbia 55.162-B, matriz 3737-4
Lançado em outubro de 1939


  
ALEGRIA DA PRIMAVERA
Valsa de José Rielli
Gravada por José Rielli
Disco Columbia 55.174-A, matriz 3742-4
Lançado em novembro de 1939



FURLÃO
Polca de José Rielli
Gravada por José Rielli
Disco Columbia 55.174-B, matriz 3741-4
Lançado em novembro de 1939



PALPITAÇÃO
Schottisch de José Rielli
Gravado por José Rielli
Acompanhamento de Zé da Pinta ao Violão
Disco Columbia 55.414-A, matriz 10121
Gravado em 1943 e lançado em abril de 1943



DE MI VENTANA
Rancheira de José Rielli
Gravada por José Rielli
Acompanhamento de Zé da Pinta ao Violão
Disco Columbia 55.414-B, matriz 10120
Gravado em 1943 e lançado em abril de 1943



LÍRIOS DA CATEDRAL
Valsa de José Rielli
Gravada por José Rielli ao Acordeon
Disco Continental 15.609-A, matriz 10552-1
Gravado em 25 de fevereiro de 1946 e lançado em abril de 1946



SAIA RODADA
Chote de José Rielli
Gravado por José Rielli Ao Acordeon
Disco Continental 15.609-B, matriz 10553-1
Gravado em 25 de fevereiro de 1946 e lançado em abril de 1946













Agradecimento ao Arquivo Nirez















Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...