domingo, 13 de maio de 2012

AMOR DE MÃE

Elisinha Coelho, cantora, e seu filho Luis Felipe,
o conhecido jornalista Goulart de Andrade, 1936.
Revista Carioca, 1936.
Arquivo Nirez





O dia 13 de maio de 2012 cai em um domingo, Dia das Mães.

A data nos faz rememorar alguns acontecimentos.

Fora o dia de nossas querida Mães que, acho que deva ser todos os dias, mas, representado nessa data, foi em um 13 de maio, em 1917, que Maria apareceu a três pastores em Portugal. Esse acontecimento é sempre relembrado pelos católicos e, independente de qual religião seja seguida ou não, é algo que já faz parte da cultura universal, há 95 anos.

Outro acontecimento, ocorrido em 1888, foi a abolição da escravatura no Brasil, através da Lei Áurea, assinada pela Princesa Regente Isabel do Brasil. A data também caiu em um domingo.

Vamos relembrar algumas mães e seus filhos, todos ligados às artes.






Francesca Moziéres, cantora,
com seu filho Armando Pedro, 1927.




A bailarina espanhola Aída Izquierdo com sua filha, Abigail,
a futura atriz e cantora Bibi Ferreira.
Com elas, o pai Procópio Ferreira, ator, 1930





Olga Louro, atriz, com seus galantes filhinhos, 1930.
Olga era filha da atriz Estefânia Louro
e irmã da atriz Margot Louro





Atriz Eugênia Coutinho e sua filha, Suzy, 1930.





Atriz Josephina Silva e sua filhinha, 1930.





Atriz Zaíra Cavalcanti e sua mãe, Conceição Baltazar, anos 30.





Elisinha Coelho, cantora, e seu filho Luis Felipe, 
o conhecido jornalista Goulart de Andrade, 1936.




Margot Louro, atriz, com Miriam Tereza,
que também seria atriz e dubladora, 1936.
Margot era casada com o ator Oscarito
e filha da atriz Estephania Louro.





Margot e Miriam, 1938.




D. Maria Emília e sua filha Maria do Carmo,
a cantora Carmen Miranda, 1932.





D. Maria Emília e Carmen Miranda, 1940.





O locutor César Ladeira e sua mãe, anos 10.





O compositor Custódio Mesquita e sua mãe, D. Camila,
que ele dizia ser sua "eterna namoradinha", anos 30.




Sônia Barreto, cantora, locutora e escritora,
com seu filho Sérgio Eduardo, 1950.




Sônia Barreto e sua filha, Wânia, 1955.





D. Nenem e sua filha Dirce, a cantora Dircinha Batista, 1954.





D. Nenem com sua filha Florinda,
a cantora Linda Batista, 1954.





A atriz Lódia Silva e seu filho, o ator Jardel Filho, 1952.




A atriz Lódia Silva e seu filho, o ator Jardel Filho, 1952.





Aurora Miranda e seus filhos
Gabriel e Maria Paula, anos 50.




Dalva de Oliveira com seus filhos, Ubiratan e Pery,
e o esposo, o compositor Herivelto Martins, anos 40.





Emilinha Borba e seu filho, Artur Emílio, 1956.





Francisco Alves, o Rei da Voz, e sua irmã Ângela, que o criou, 1952.





Para complementar nossa homenagem, trago algumas gravações que falam sobre Mãe, realizadas entre 1903 e 1959.



A MINHA MÃE
Serenata
Gravada por Senhorita Odete
Disco Zon – O – Phone X-747
Lançado em 1903



MINHA MÃE
Modinha de Frederico Jr.
Gravada por Bahiano
Acompanhamento de Seu Violão
Disco Odeon Record 120.300, matriz XR-1861
Lançado em 1913



LÁGRIMAS DE MÃE
Fado Corrido
Gravado por Arthur Castro
Disco Phoenix Record 266, matriz 1531
Lançado em 1913



BEIJOS DE MÃE
Valsa de L. Silva
Gravada pelo Grupo Odeon
Disco Odeon Record 120.978
Lançado em 1914



MINHA MÃEZINHA
Fado de João Fernandes
Gravada por Manoel Monteiro
Acompanhamento de Fernandes e Rodrigues na Guitarra e Pinheiro ao Violão
Disco Odeon 11.135-A, matriz 4856
Gravado em 30 de maio de 1934 e lançado em julho de 1934



BEIJOS DE MÃE
Marcha Canção de João Mateus Jr.
Gravada por Manoel Monteiro
Acompanhamento de Ferreira e Gonçalves Dias
Disco Odeon 11.648-A, matriz 5841
Gravado em 17 de maio de 1938 e lançado em outubro de 1938



MAMÃE
Valsa de Herivelto Martins e David Nasser
Gravada por Ângela Maria e João Dias
Acompanhamento de Orquestra
Disco Copacabana 20.024-A, matriz M-1513
Lançado em maio de 1957



MINHA MÃE MINHA ESTRELA
Valsa de Rubem Gomes e Luís Dantas
Gravada por Dalva de Oliveira
Disco Odeon 14.440, matriz RIO-13295     
Gravado em 06 de fevereiro de 1959 e lançado em março de 1959



AMOR DE MÃE
Valsa de Raul Sampaio
Gravada por Dalva de Oliveira e Anísio Silva
Disco Odeon 14.440, matriz RIO-13298
Gravado em 06 de fevereiro de 1959 e lançado em março de 1959



MINHA MÃE
Valsa musicada por Lindolfo Gaya, letra de Casimiro de Abreu
Gravada por Dalva de Oliveira e Anísio Silva
Disco Odeon 14.441, matriz RIO-13297
Gravado em 06 de fevereiro de 1959 e lançado em março


















Agradecimento à Thais Matarazzo, Gilberto Inácio Gonçalves e ao Arquivo Nirez






7 comentários:

  1. Marcelo, este post ficou sensacional!
    parabéns pela originalidade! beijos

    ResponderExcluir
  2. Domingos Gonzaga13 de maio de 2012 21:16

    Você Marcelo, com sua pesquisa tras alegria e muita certeza de que somos um país que ainda tem pessoas que preservam uma memoria.
    Sou encantado com seu blog.

    ResponderExcluir
  3. Marcelo, seu blog encantador.
    Esse postagem de hoje deixa claro que podemos sim e somos um país com memoria.
    Obrigado pelo encantamento da postagem.

    ResponderExcluir
  4. Lindo, emocionante, encantador. São poucos os adjetivos. Seu trabalho é algo que revive nossa historia e nossas estrelas.
    Obrigado sempre por deixar meu coração mais perto dessas estrelas que nunca se apagam.

    ResponderExcluir
  5. Amei o post!!! Sensacional!!
    Muito obrigada pro compartilhar!!!!!!!!

    ResponderExcluir
  6. Fotos maravilhosas, Marcelo! Amei! Que linda a mãe de Bibi.

    O Falcão Maltês

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...