segunda-feira, 15 de abril de 2019

GILBERTO ALVES - 104 ANOS


GILBERTO ALVES
Arquivo Marcelo Bonavides


Há 104 anos nascia o cantor GILBERTO ALVES.

Gilberto Alves Martins nasceu no Rio de Janeiro em 15 de abril de 1915, no bairro carioca da Saúde, sendo criado no subúrbio de Lins de Vasconcelos. Aos 12 anos de idade, fugiu de casa com o irmão mais velho, passando a trabalhar como carregador de marmitas. Depois, aprendeu o ofício de sapateiro, passando a viver dessa profissão. Fez o curso secundário e reunia-se com amigos para fazer serenatas pelas ruas do Méier e Lins de Vasconcelos.

Nessa época de serenatas, conheceu seu grande amigo Jacob Bittencourt, o Jacob do Bandolim. Por volta de 1935, Almirante levou Gilberto Alves para cantar na Rádio Clube do Brasil, indo depois para a Rádio Guanabara, levado pelos compositores Cristóvão de Alencar e Nássara, para cantar no programa de Luís Vassalo.


O Malho, 1940.
http://memoria.bn.br


Gravou seu primeiro disco na Columbia em 1938, interpretando os sambas Favela dos meus Amores, de Roberto Cunha, e Mulher, toma juízo, de Ataulfo Alves e Roberto Cunha.

Em 1940 passou a gravar na Odeon, onde estreou ao lado do acordeonista Antenógenes Silva no samba Pode bater, de Antenógenes Silva e Ernâni Campos.


Fon Fon, 1940.
http://memoria.bn.br


Ao longo da década de 1940, Gilberto Alves lançou vários sucessos, gravando inclusive uma versão da valsa Fascinação, feita em 1943 por Mário Rossi. Porém, o disco só seria lançado em 1953, e a versão gravada por Carlos Galhardo fez sucesso.

Entre os sucessos de Gilberto Alves podemos destacar, Silêncio, Linda Flor que morreu, Algum dia te direi, Era uma Vez, Meu Tesouro, entre outros.


A Scena Muda, 1942.
http://memoria.bn.br


Em 1950, passou a trabalhar na Rádio Tupi, onde se aposentou vinte anos depois. Na década de 1950 gravou mais discos.

Nos anos 60 e 70, mesmo sem o sucesso obtido anteriormente, ele prosseguiu sua carreira artística. Gilberto Alves se apresentava em emissoras de rádio, televisão e cantava também em churrascarias. Em 1972, especialmente para o Fascículo “Donga e os primitivos” da série Nova História da Música Popular Brasileira (Abril Cultural), gravou a modinha, Acorda, Aldalgisa, de autor desconhecido. Nessa gravação, ele seria acompanhado por Canhoto ao cavaquinho, José Menezes ao bandolim, Dino e Meira nos violões e Abel Ferreira no clarienete.

Em seus últimos anos de vida, Gilberto Alves passou na cidade do interior paulista de Cesário Lange, onde apresentou programas de rádio e participou de shows e serestas.

Gilberto Alves faleceu em Jacareí (SP), em 04 de abril de 1992, poucos dias antes de completar 77 anos de idade.


Discos Columbia

FAVELA DOS MEUS AMORES
Samba de Roberto Cunha
Gravado por Gilberto Alves
Acompanhamento de Gilberto Alves
Disco Columbia 8.389-B, matriz CA-112
Gravado em 09 de fevereiro de 1938 e lançado em outubro de 1938



MULHER TOMA JUÍZO
Samba de Roberto Cunha e Ataulfo Alves
Gravado por Gilberto Alves
Acompanhamento de Gilberto Alves
Disco Columbia 8.389-B, matriz CA-113
Gravado em 09 de fevereiro de 1938 e lançado em outubro de 1938



MÃOS DELICADAS
Samba de Eratóstenes Frazão e Roberto Martins
Gravado por Gilberto Alves
Acompanhamento de Napoleão Tavares e Seus Soldados Musicais
Disco Columbia 55.151-A, matriz 170-2
Gravado em 28 de junho de 1939 e lançado em agosto



DUAS SOMBRAS
Valsa de Roberto Martins e Jorge Faraj
Gravada por Gilberto Alves
Acompanhamento de Napoleão Tavares e Seus Soldados Musicais
Disco Columbia 55.151-B, matriz 171-1
Gravado em 28 de junho de 1939 e lançado em agosto




Discos Odeon

PODE BATER CORAÇÃO
Samba de Antenógenes Silva e Ernâni Campos
Gravado por Gilberto Alves
Acompanhamento de Antenógenes Silva ao Acordeon e Seu Conjunto
Disco Odeon 11.819-B, matriz 6295
Gravado em 07 de dezembro de 1939 e lançado em fevereiro de 1940



LINDA FLOR QUE MORREU (E O VENTO LEVOU...)
Canção de Jota Soares e Ariovaldo Pires (Capitão Furtado)
Gravada por Gilberto Alves
Acompanhamento da Orquestra Odeon, sob a direção de Simon Bountman
Disco Odeon 11.845-A, matriz 6318
Gravado em 27 de março de 1940 e lançado em maio de 1940



SAMBA SERENATA
Samba de Newton Teixeira e Cristóvão de Alencar
Gravado por Gilberto Alves
Acompanhamento da Orquestra Odeon
Disco Odeon 11.889-A, matriz 6423
Gravado em 08 de julho de 1940 e lançado em agosto de 1940



GRAÇAS A DEUS
Samba de Roberto Martins e Osvaldo Santiago
Gravado por Gilberto Alves
Acompanhamento da Orquestra Odeon
Disco Odeon 11.903-A, matriz 6455
Gravado em 23 de agosto de 1940 e lançado em outubro de 1940



MELODIA DO AMOR
Samba de Roberto Martins e Mário Rossi
Gravado por Gilberto Alves
Acompanhamento da Orquestra Odeon
Disco Odeon 11.903-B, matriz 6456
Gravado em 23 de agosto de 1940 e lançado em outubro de 1940



FELIZ TROVADOR
Valsa de Ariovaldo Pires (Capitão Furtado) e Luís Batista Jr.
Gravada por Gilberto Alves
Acompanhamento da Orquestra Copacabana, sob a direção de Simon Bountman
Disco Odeon 11.978-A, matriz 6588
Gravado em 12 de março de 1941 e lançado em abril de 1941



SILÊNCIO
Valsa de Alcebíades Barcelos e Armando Marçal
Gravada por Gilberto Alves
Acompanhamento do Conjunto Odeon
Disco Odeon 12.016-B, matriz 6680
Gravado em 09 de junho de 1941 e lançado em agosto de 1941



SENHOR DO CORCOVADO
Samba de Wilson Batista e Roberto Martins
Gravado por Gilberto Alves
Acompanhamento de Fon Fon e Sua Orquestra
Disco Odeon 12.082-B, matriz 6835
Gravado em 06 de novembro de 1941 e lançado em dezembro de 1941



VERDADEIRO AMOR
Fox de J. Gualter e Ciro Amaral
Gravado por Gilberto Alves
Acompanhamento da Orquestra Odeon, sob a direção de Fon Fon
Disco Odeon 12.136-B, matriz 6905
Gravado em 25 de fevereiro de 1942 e lançado em abril de 1942



PERTINHO DO CÉU
Samba de Roberto Martins e Wilson Batista
Gravado por Gilberto Alves
Acompanhamento de Fon Fon e Sua Orquestra
Disco Odeon 12.163-A, matriz 6953
Gravado em 04 de maio de 1942 e lançado em junho de 1942



UM PERFUME QUE DEIXA SAUDADE
Valsa de Roberto Martins e Mário Rossi
Gravado por Gilberto Alves
Acompanhamento de Fon Fon e Sua Orquestra
Disco Odeon 12.163-B, matriz 6959
Gravado em 08 de maio de 1942 e lançado em junho de 1942



BRASIL GIGANTE
Samba de Cristóvão de Alencar e José Silva
Gravado por Gilberto Alves
Acompanhamento de Fon Fon e Sua Orquestra
Disco Odeon 12.164-A, matriz 6952
Gravado em 04 de maio de 1942 e lançado em julho de 1942



ADEUS MEU GRANDE AMOR
Valsa de Cyro de Souza
Gravada por Gilberto Alves
Acompanhamento de Fon Fon e Sua Orquestra
Disco Odeon 12.164-B, matriz 6961
Gravado em 09 de maio de 1942 e lançado em julho de 1942



SONHO DE OUTONO
Valsa de Archibald Joyce e Ariovaldo Pires (Capitão Furtado)
Gravada por Gilberto Alves
Acompanhamento da Orquestra Odeon
Disco Odeon 12.309-B, matriz 7257
Gravado em 17 de abril de 1943 e lançado em junho de 1943



FASCINAÇÃO
Valsa de F. D. Marchetti e Mário Rossi
Gravada por Gilberto Alves
Acompanhamento de Orquestra
Disco Odeon 13.565-A, matriz 7273
Gravado em 03 de maio de 1943 e lançado em dezembro de 1953



AMAR
Fox Canção de Ariovaldo Pires (Capitão Furtado) e Italo Izzo
Gravado por Gilberto Alves
Acompanhamento da Orquestra Odeon, sob a direção de Lírio Panicali
Disco Odeon 12.347-B, matriz 7343
Gravado em 15 de julho de 1943 e lançado em setembro de 1943



MEU TESOURO (TESORO MIO)
Valsa de Ernesto Becucci, em versão de Ariovaldo Pires (Capitão Furtado)
Gravada por Gilberto Alves
Acompanhamento da Orquestra Odeon
Disco Odeon 12.613-A, matriz 7837
Gravado em 18 de maio de 1945 e lançado em agosto de 1945



UM MUNDO NOVO SURGIRÁ
Valsa Popular de Sônia Marcovna, em versão de Ariovaldo Pires (Capitão Furtado)
Gravada por Gilberto Alves
Acompanhamento da Orquestra Odeon
Disco Odeon 12.613-B, matriz 7838
Gravado em 18 de maio de 1945 e lançado em agosto de 1945



Discos Victor

ERA UMA VEZ
Canção de René Bittencourt
Gravada por Gilberto Alves
Acompanhamento de Orquestra
Disco Victor 80-0300-B, matriz S-078191-1
Gravado em 12 de junho de 1945 e lançado em agosto



AMOREUSE
Valsa de Rodolfo Berger e Armando Louzada
Gravada por Gilberto Alves
Acompanhamento de Orquestra, sob a direção de Celso Macedo
Disco Victor 80-0390-B, matriz S-078422-1
Gravado em 13 de fevereiro de 1946 e lançado em abril de 1946



DOIS PUNHAIS
Samba de Roberto Martins e Mário Rossi
Gravado por Gilberto Alves
Acompanhamento de Orquestra
Disco Victor 80-0425-B, matriz S-078466-1
Gravado em 05 de abril de 1946 e lançado em agosto de 1946



MINHA INSPIRAÇÃO
Samba de Estanislau Silva e Tito Ramos
Gravado por Gilberto Alves
Acompanhamento de Regional
Disco Victor 80-0455-A, matriz S-078561-1
Gravado em 15 de julho de 1946 e lançado em outubro de 1946



NÃO SEI
Samba de Kid Pepe e Alfredo Costa
Gravado por Gilberto Alves
Acompanhamento de Regional
Disco Victor 80-0455-B, matriz S-078562-1
Gravado em 15 de julho de 1946 e lançado em outubro de 1946











Agradecimento ao Arquivo Nirez











Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...