terça-feira, 14 de abril de 2020

RELEMBRANDO SYNVAL SILVA - 26 ANOS DE SAUDADE


SYNVAL SILVA
http://memoria.bn.br/


Há 26 anos falecia o compositor SYNVAL SILVA.

Synval Machado da Silva nasceu em Juiz de Fora (MG), em 14 de março de 1911. Seu pai era clarinetista da Banda Euterpe Mineira de Juiz de Fora.




Synval se iniciou na música através da viola, ouvindo aulas que eram destinadas ao seu irmão.

Tornou-se mecânico de automóvel ainda muito jovem, indo se empregar depois como motorista.

Em Juiz de Fora, deu início à sua carreira artística, tocando em festas da cidade. Na banda de música desta cidade, ele tocaria clarineta.

Em 1927, Synval Silva compôs a valsa Luar de Prata, que ficou inédita.

Passou a morar no Rio de Janeiro, no Morro da Formiga, em 1930.

Em 1931, foi levado por Norival Pandeiro para integrar o Regional Good-Bye Boy da Rádio Mayrink Veiga, conhecendo o compositor Assis Valente.

Assis Valente apresentaria Synval Silva à Carmen Miranda. Logo, Synval passou a ser motorista particular de Carmen, dirigindo seu carro (baratinha) importado. Carmen Miranda lhe pediu composições que falassem de mulato e samba e Synval compôs para ela os sambas Alvorada e Ao Voltar do Samba, que Carmen gravou na Victor em 1934.

O sucesso de Ao Voltar do Samba foi tanto que Carmen Miranda fez um novo desafio a Synval Silva, ela pagaria dois contos (uma grande quantia na época) para um novo samba que alcançasse ao menos a metade do sucesso do anterior. Ele compôs o samba Coração, que Carmen gravou em 1935, também com muito sucesso.

Depois de uma nova oferta de Carmen, Synval compôs Adeus Batucada, tornando-se uma das músicas mais representativa da carreira de ambos e sendo prefixo musical dos programas de Carmen Miranda. Quando a cantora faleceu, em 1955, em seu velório seriam tocadas alguns de seus sucessos pelo carrilhão da Mesbla, e Adeus Batucada seria uma dessas músicas.

Carmen Miranda seria a intérprete que mais gravou Synval Silva, registrando oito músicas do compositor. Ele também seria gravado por outros artistas, como Aurora Miranda, Odete Amaral, Trio de Ouro, Cyro Monteiro, Nuno Roland, Orlando Silva, entre outros.

Em 1940, Synval Silva fundou a GRES Império da Tijuca, compondo para ela o samba Sandália de Cetim, participando da ala dos compositores até sua morte.
Foi sócio fundador da Associação Brasileira de Crítico de Artes (ABCA), da União Brasileira de Compositores (UBC) e da Sociedade Brasileira de Autores, Compositores e Escritores de Músicas (SBACEM).

Em 1967, ele recebeu o título de “Cidadão Carioca” e o anel de Bacharel em Samba, outorgado pelo Museu da Imagem e do Som em 1968.

Synval Silva faleceu no Rio de Janeiro, um mês após completar 83 anos de idade, em 14 de abril de 1994.




AO VOLTAR DO SAMBA
Samba de Synval Silva
Gravado por Carmen Miranda
Acompanhamento do Grupo do Canhoto
Disco Victor 33.808-A, matriz 65964-1
Gravado em 26 de março de 1934 e lançado em agosto



ALVORADA
Samba de Synval Silva
Gravado por Carmen Miranda
Acompanhamento do Grupo do Canhoto
Disco Victor 33.808-B, matriz 65913-1
Gravado em 11 de dezembro de 1933 e lançado em agosto de 1934



CORAÇÃO
Samba de Synval Silva
Gravado por Carmen Miranda
Acompanhamento do Grupo do Canhoto
Disco Victor 33.885-A, matriz 79726-2
Gravado em 11 de outubro de 1934 e lançado em janeiro de 1935



ADEUS BATUCADA
Samba de Synval Silva
Gravado por Carmen Miranda
Acompanhamento da Orquestra Odeon, sob a direção de Simon Bountman
Disco Odeon 11.285-A, matriz 5164
Gravado por 24 de setembro de 1935 e lançado em novembro



AMOR! AMOR!
Marcha de Synval Silva
Gravada por Aurora Miranda
Acompanhamento da Orquestra Odeon
Disco Odeon 11.401-A, matriz 5393
Gravado em 23 de setembro de 1936 e lançado em outubro de 1936



MORENO
Samba de Synval Silva
Gravado por Aurora Miranda
Acompanhamento da Orquestra Odeon
Disco Odeon 11.401-B, matriz 5394
Gravado em 23 de setembro de 1936 e lançado em outubro de 1936



SAUDADE DE VOCÊ
Samba de Sinval Silva
Gravado por Carmen Miranda
Acompanhamento de Benedito Lacerda e Seu Conjunto Nacional
Disco Odeon 11.471-A, matriz 5553
Gravado por 20 de março de 1937 e lançado em maio



GENTE BAMBA
Samba de Sinval Silva
Gravado por Carmen Miranda
Acompanhamento de Benedito Lacerda e Seu Conjunto Nacional
Disco Odeon 11.471-B, matriz 5554
Gravado por 20 de março de 1937 e lançado em maio



AGORA É TARDE
Samba de Synval Silva
Gravado por Orlando Silva
Acompanhamento do Conjunto Regional RCA Victor
Disco Victor 34.267-B, matriz 80628-1
Gravado em 14 de dezembro de 1937 e lançado em janeiro de 1938



MADALENA SE ZANGOU
Samba de Synval Silva e Ubenor Santos
Gravado pelo Trio de Ouro
Acompanhamento de Benedito Lacerda e Seu Conjunto Regional
Disco Odeon 11.652-B, matriz 5879
Gravado em 27 de junho de 1938 e lançado em abril de 1939



AMOR IDEAL
Samba de Sinval Silva
Gravado por Carmen Miranda
Acompanhamento de Orquestra
Disco Odeon 11.741-A, matriz 6052
Gravado em 05 de abril de 1939 e lançado em setembro



NOSSO AMOR NÃO FOI ASSIM
Marcha de Sinval Silva
Gravado por Carmen Miranda
Acompanhamento de Orquestra
Disco Odeon 11.741-B, matriz 6053
Gravado em 05 de abril de 1939 e lançado em julho



FONTE DE AMOR
Samba de Synval Silva
Gravado por Cyro Monteiro
Acompanhamento de Regional
Disco Victor 34.878-B, matriz S-052451
Gravado em 12 de janeiro de 1942 e lançado em março de 1942



CRIOULO SAMBISTA
Samba de Synval Silva e Nelson Trigueiro
Gravado por Cyro Monteiro
Acompanhamento de Regional
Disco Victor 80-0210-A, matriz S-078016-1
Gravado em 12 de julho de 1944 e lançado em setembro de 1944



RODA DE SAMBA
Samba de Synval Silva
Gravado pelo Trio de Ouro
Acompanhamento de Claudionor Cruz e Seu Conjunto
Disco Odeon 12.542-A, matriz 7717
Gravado em 29 de novembro de 1944 e lançado em janeiro de 1945



NEGRO ARTILHEIRO
Samba de Synval Silva e Herivelto Martins
Gravado pelo Trio de Ouro
Acompanhamento de Abel e Sua Orquestra
Disco 12.601-B, matriz 7840
Gravado em 23 de maio de 1945 e lançado em julho de 1945



PRA MINHA MORENA SAMBAR
Samba de Synval Silva
Gravado por Cyro Monteiro
Acompanhamento de Benedito Lacerda e Seu Regional
Disco 80-0320-A, matriz S-078218-1
Gravado em 05 de julho de 1945 e lançado em setembro de 1945



PALAVRA DE REI
Batucada de Synval Silva
Gravada por Odete Amaral
Acompanhamento de Regional
Disco Victor 80-0382-A, matriz S-078403-2
Gravado em 29 de novembro de 1945 e lançado em fevereiro de 1946



AVE MARIA
Samba de Synval Silva
Gravada por Blecaute
Acompanhamento de Severino Araújo e Sua Orquestra Tabajara
Disco Continental 16.225-B, matriz 2319
Gravado em 1950 e lançado em julho/agosto de 1950



O DIREITO DE NASCER
Canção de Synval Silva
Gravada por Nuno Roland
Acompanhamento de Conjunto
Disco Todamérica TA-5.126-A, matriz TA-213
Gravado em 23 de outubro de 1951 e lançado em dezembro de 1951



DE ILUSÕES TAMBÉM SE VIVE
Bolero de Synval Silva
Gravado por Nuno Roland
Acompanhamento de Conjunto
Disco Todamérica TA-5.126-B, matriz TA-214
Gravado em 23 de outubro de 1951 e lançado em dezembro de 1951



INTRIGA
Samba Canção de Synval Silva e Tito Clement
Gravado por Dalva de Oliveira
Acompanhamento de Orquestra
Disco Odeon 14.314, matriz RIO-11956
Gravado em 02 de setembro de 1957 e lançado em abril de 1958














Agradecimento ao Arquivo Nirez










Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...