Páginas

Translate

sexta-feira, 7 de fevereiro de 2020

SYLVIO VIEIRA - 50 ANOS DE SAUDADE

SYLVIO VIEIRA
Arquivo Nirez



Há 50 anos falecia o barítono e compositor SYLVIO VIEIRA.


Sylvio Vieira nasceu em São Paulo, em 28 de maio de 1899.

Iniciou sua carreira em meados da década de 1920, ficando famoso por interpretar óperas em teatros, mas também seguiu pelo caminho da música popular.


Sylvio Vieira ao microfone da Rádio Mayrink Veiga.
Sentadas, da esquerda para a direita:
Sylvinha Mello, Yvonne Peixoto e Judith Imbassahi de Mello.
A Noite Illustrada, 1931.


Carioca, 1935
Arquivo Nirez


Sylvio Vieira
O Cruzeiro, 1935
http://memoria.bn.br
Sylvio Vieira
O Malho, 1936
http://memoria.bn.br

Carioca, 1937
Arquivo Nirez

O Malho, 1938
http://memoria.bn.br

Fon Fon, 1939
http://memoria.bn.br


Fon Fon, 1939
http://memoria.bn.br


Fon Fon, 1940
http://memoria.bn.br



Seu primeiro disco foi gravado em 1926, lançado pela Odeon Record, com a música Gostar de Alguém, tango fado de Freire Jr. Ainda gravaria no processo mecânico algumas canções, como a célebre A Casinha (A Casinha da Colina), de Luís Peixoto e Pedro de Sá Pereira.

A partir de 1928, começou a gravar no processo elétrico, passando pelas gravadoras Odeon, Victor, Brunswick e Parlophon, onde lançou vários discos de sucesso, a exemplo de A Vizinha da Água Furtada, canção de P. Coelho e M. Sequeira e Frô do Ipê, canção de Bonfíglio de Oliveira e Nelson de Abreu. Em paralelo a sua atuação nos discos, ele se apresentava em teatros e excursões, aumentando sua fama de cantor lírico.


A Voz do Chauffeur, 1926
http://memoria.bn.br


O Cruzeiro, 1930
http://memoria.bn.br

O Cruzeiro, 1930
http://memoria.bn.br


O Cruzeiro, 1930
http://memoria.bn.br


O Cruzeiro, 1930
http://memoria.bn.br


O Cruzeiro, 1930
http://memoria.bn.br


Em 1935 estrelou, ao lado da atriz-cantora Dulce de Almeida, o filme Cabocla Bonita.


Dulce de Almeida e Sylvio Vieira no filme Cabocla Bonita, 1935.
Fon Fon, 1935.
http://memoria.bn.br


Em 1950, após estar dezessete anos sem gravar, lançou um álbum pela Victor, com as canções de Alfredo Albuquerque, Ave Maria I e II.

Fon Fon, 1940.
http://memoria.bn.br


Sylvio Vieira faleceu em São Paulo, aos 70 anos, em 07 de fevereiro de 1970.


SÍLVIO VIEIRA, 1930.
"Á Phono-Arte com os meus melhores votos de prosperidade, Sylvio Vieira. 7/930".
Arquivo Nirez.


Apresento vinte e seis gravações realizadas por Sylvio Vieira entre 1926 e 1943. Algumas bonitas páginas de nosso cancioneiro foram interpretadas por ele e podemos conferir em sua bela voz.


  
GOSTAR DE ALGUÉM
Tango Fado de Freire Júnior
Gravado por Sylvio Vieira
Disco Odeon Record 123.082
Lançado em 1926



UM PASSEIO À LUZ DO LUAR
Canção de Freire Júnior
Gravada por Sylvio Vieira
Disco Odeon Record 123.115
Lançado em 1926



A CASINHA (CASINHA DA COLINA)
Canção Popular de Luís Peixoto e Pedro de Sá Pereira
Gravada por Sylvio Vieira
Disco Odeon Record 123.116
Lançado em 1926



NOITE DE NÚPCIAS
Canção de Hekel Tavares
Gravada por Sylvio Vieira
Disco Odeon Record 123.118
Lançado em 1926



AI XIXI
Canção de Pedro de Sá Pereira
Gravada por Sylvio Vieira
Disco Odeon Record 123.119
Lançado em 1926



GOSTAR DE UMA MULHER


Canção de Breno Ferreira e A. Barbosa
Gravada por Sylvio Vieira
Acompanhamento da Orquestra Victor de Salão
Disco Victor 33.276-A, matriz 50211-2
Gravado em 13 de março de 1930 e lançado em abril



A VIZINHA DA ÁGUA FURTADA


Canção de P. Coelho e M. Sequeira
Gravada por Sylvio Vieira
Acompanhamento da Orquestra Victor de Salão
Disco Victor 33.276-B, matriz 50212-2
Gravado em 14 de março de 1930 e lançado em abril



CANÇÃO DISCRETA
Canção de Henrique Vogeler e Martins Fontes
Gravada por Sylvio Vieira
Acompanhamento de Henrique Vogeler ao Piano
Disco Brunswick 10.040-A, matriz 283
Lançado em abril de 1930



MEU AMÔ FOI SIMBORA
Canção de Henrique Vogeler
Gravada por Sylvio Vieira
Acompanhamento de Henrique Vogeler ao Piano
Disco Brunswick 10.040-B, matriz 284
Lançado em abril de 1930



É NA VIOLA QUE CHORA
Toada de Sylvio Vieira
Gravada por Sylvio Vieira
Acompanhamento da Orquestra Brunswick
Disco Brunswick 10.060-B, matriz 300
Lançado em junho de 1930



O GUARANI - CANÇÃO DOS AVENTUREIROS


De Antônio Carlos Gomes
Gravado por Sylvio Vieira
Acompanhamento da Orquestra Victor Brasileira de Concerto
Disco Victor 33.286-A, matriz 50235-2
Gravado em 16 de abril de 1930 e lançado em agosto



PAGANINI - SE UMA BOCA EU BEIJAR


Canção de Franz Lehar e Sílvio Vieira
Gravada por Sylvio Vieira
Acompanhamento da Orquestra Victor Brasileira de Concerto
Disco Victor 33.286-B, matriz 50237-2
Gravado em 17 de abril de 1930 e lançado em agosto



PELO TEU PECADO
Valsa de Joubert de Carvalho
Gravada por Sylvio Vieira
Acompanhamento da Orquestra Guanabara
Disco Parlophon 13.237-A, matriz 3953
Gravado em 04 de setembro de 1930 e lançado em novembro



SULAMITA
Tango de Mário Lopes de Castro
Gravado por Sylvio Vieira
Acompanhamento dos Muchachos Del Plata
Disco Parlophon 13.237-B, matriz 3961
Gravado em 1930 e lançado em novembro



BRASIL UNIDO
Hino Patriótico de Plínio de Brito e Domingos Magarinos
Gravado por Sylvio Vieira
Acompanhamento da Orquestra Guanabara
Disco Parlophon 13.240-A, matriz T-14
Gravado em 1930 e lançado em novembro



O SOLDADO BRASILEIRO
Marcha Patriótica de Plínio de Brito e Domingos Magarinos
Gravada por Sylvio Vieira
Acompanhamento da Orquestra Guanabara
Disco Parlophon 13.240-B, matriz T-15
Gravado em 1930 e lançado em novembro



VINTE E QUATRO DE OUTUBRO (24 DE OUTUBRO)
Hino de Sílvio Vieira e Mário Lopes de Castro
Gravado por Sylvio Vieira
Acompanhamento da Orquestra Guanabara
Disco Parlophon 13.243-A
Lançado em novembro de 1930



VAI SOLDADO
Hino de Luís Melaço e A. de Lima Jr.
Gravado por Sylvio Vieira
Acompanhamento da Orquestra Guanabara
Disco Parlophon 13.243-B
Lançado em novembro de 1930



LO SCHIAVO - ÁRIA DE IBERÊ I


De Carlos Gomes
Gravado por Sylvio Vieira
Acompanhamento de Orquestra
Disco Victor 33.466-A, matriz 65208-1
Gravado em 06 de agosto de 1931 e lançado em setembro



LO SCHIAVO - ÁRIA DE IBERÊ II


De Carlos Gomes
Gravado por Sylvio Vieira
Acompanhamento de Orquestra
Disco Victor 33.466-B, matriz 65209-2
Gravado em 06 de agosto de 1931 e lançado em setembro



FRÔ DO IPÊ


Canção de Bonfíglio de Oliveira e Nelson de Abreu
Gravada por Sylvio Vieira
Acompanhamento de Orquestra, dirigida por João Martins
Disco Victor 33.558-A, matriz 65477-1
Gravado em 29 de abril de 1932 e lançado em junho



COMO É LINDO O TEU OLHAR


Canção de André Filho
Gravada por Sylvio Vieira
Acompanhamento de Orquestra, dirigida por João Martins
Disco Victor 33.558-B, matriz 65478-3
Gravado em 29 de abril de 1932 e lançado em junho



FLOR QUE NINGUÉM COLHEU


Tango Canção de Joubert de Carvalho e Olegário Mariano
Gravado por Sylvio Vieira
Acompanhamento da Orquestra Victor Brasileira
Disco Victor 33.710-A, matriz 65855-
Gravado em 15 de setembro de 1933 e lançado em outubro



FELICIDADE


Valsa de Joubert de Carvalho e Olegário Mariano
Gravado por Sylvio Vieira
Acompanhamento da Orquestra Victor Brasileira, sob a direção de João Martins
Disco Victor 33.710-B, matriz 65815-1
Gravado em 20 de julho de 1933 e lançado em outubro



AVE MARIA I
Canção de Alfredo Albuquerque
Gravada por Sylvio Vieira
Acompanhamento de Orquestra
Disco Victor 87-0000-A, matriz RC-403-1
Gravado em 1943 e lançado nesse mesmo ano



AVE MARIA II
Canção de Alfredo Albuquerque
Gravada por Sylvio Vieira
Acompanhamento de Orquestra
Disco Victor 87-0000-B, matriz RC-404-1
Gravado em 1943 e lançado nesse mesmo ano










Agradecimento ao Arquivo Nirez










Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...