quarta-feira, 10 de fevereiro de 2021

RELEMBRANDO O GRANDE CAUBY PEIXOTO

CAUBY PEIXOTO
Radiolândia, 1954
http://memoria.bn.br/




Hoje, vamos relembrar o saudoso cantor CAUBY PEIXOTO.
 
Cauby completaria, no dia de hoje (10/02), 90 anos de idade.
 
Cauby Peixoto Barros nasceu em Niterói (RJ), em 10 de fevereiro de 1931. De sua família, saíram vários nomes importantes de nossa música popular, como seu pai, um violonista famoso conhecido por Cadete; seu tio, o pianista e compositor Nonô (Romualdo Peixoto); e seu primo, o cantor Cyro Monteiro. Os irmãos de Cauby também se destacariam no cenário musical: Moacyr Peixoto, pianista; Arakén Peixoto, trompetista, e Andyara, cantora.
 
Quando trabalhava no comércio, em 1949, o jovem Cauby Peixoto resolveu participar de um programa de calouros no rádio.  No começo da década de 1950, já dedicado à música, Cauby atuou como crooner em várias boates do Rio de Janeiro.
 
Ele gravou seu primeiro disco em 1951, pela gravadora Carnaval, registrando o samba Saia Branca, de Geraldo Medeiros, e a marcha Ai, que carestia!, de Victor Simon e Liz Monteiro.
 
No ano de 1952, passou a morar em São Paulo, sendo crooner das boates Oásis e Arpége, e também fazendo apresentações na Rádio Excelsior.
 
Cauby Peixoto cantava bem em inglês, fazendo com que seu futuro empresário, impressionado, lhe criasse um marketing em torno dele, influenciando a sua maneira de se vestir, seu repertório e comportamento dos palcos.
 
Passaria a gravar pela Todamérica em 1953, indo, nesse mesmo ano para a Columbia. Aí, lançou sucessos como o slow-fox Blue Gardenia, de B. Russel e L. Lee, em versão de Antônio Carlos. A música era tema do filme homônimo feito em Hollywood e levou Cauby ao estrelato como cantor. Em pouco tempo, ele se tornaria um dos ídolos do rádio.
 
Ainda em 1953, entrou para o elenco da Rádio Nacional do Rio de Janeiro, tornando-se, dois anos depois, o cantor mais famoso desta rádio. As fãs enlouqueciam ao vê-lo e, como estratégia de marketing, seu empresário criou uma estratégia curiosa: ao aparecer em público, Cauby Peixoto tinha suas roupas rasgadas por fãs “histéricas”, que queriam ficar com uma recordação do cantor.
 

BIDU REIS, CAUBY PEIXOTO E VIOLETA CAVALCANTI
Radiolândia, 1954
http://memoria.bn.br/


Seu primeiro LP veio em 1955, intitulado Blue Gardênia.
 
Em meados da década de 1950, seguiu para os EUA, onde gravou sob o nome de Ron Coby, tentando uma carreira internacional. Mesmo tendo gravado com um dos grandes maestros internacionais da época, Percy Faith, sua carreira no exterior não “decolou”.
 
De volta ao Brasil, Cauby Peixoto continuou fazendo enorme sucesso no rádio, disco, em apresentações e no cinema, onde participou cantando em Carnaval em Marte (1955), De Pernas pro Ar (1956), Metido a Bacana (1957), entre outros.

Entre seus êxitos musicais está a canção Conceição, de Jair Amorim e Valdemar de Abreu (Dunga).
 
Cauby Peixoto continuou cantando e encantando gerações por várias décadas. Até o fim de sua vida, aos 85 anos, ele ainda cantava e fazia apresentações.

Ele faleceu em São Paulo, em 15 de maio de 2016.


Gravações de Cauby Peixoto


SAIA BRANCA
Samba de Geraldo Medeiros
Gravado por Cauby Peixoto
Disco Carnaval 013-A, matriz CA-013A
Lançado em fevereiro de 1951


 
AI QUE CARESTIA
Marcha de Victor Simon e Liz Monteiro
Gravada por Cauby Peixoto
Disco Carnaval 013-B, matriz CA-013B
Lançado em fevereiro de 1951


 
TUDO LEMBRA VOCÊ (THIS FOOLISH THINGS)
De Marvel, Strachey, Link, em versão de Mário Donato
Gravado por Cauby Peixoto
Acompanhamento de Poly e Seu Conjunto
Disco Todamérica TA-5.259-A, matriz TA-1153-1
Lançado em março de 1953


 
O TEU BEIJO
Samba Canção de Sílvio Donato
Gravado por Cauby Peixoto
Acompanhamento de Poly e Seu Conjunto
Disco Todamérica TA-5.259-B, matriz TA-1152-1
Lançado em março de 1953


 
BLUE GARDENIA
Slow Fox de Bob Russel, Lester Lee e Antônio Carlos
Gravado por Cauby Peixoto
Acompanhamento de Renato de Oliveira e Sua Orquestra
Disco Columbia CB-10.042-A, matriz CBO-215
Lançado em maio de 1954



DAQUI PARA A ETERNIDADE
Fox de Robert Wells, Freddie Karger, em versão de Lourival Faissal
Gravado por Cauby Peixoto
Acompanhamento de Renato de Oliveira e Sua Orquestra
Disco Columbia CB-10.107-A, matriz CBO-366
Lançado em dezembro de 1954



SE VOCÊ PENSA
Samba de César de Alencar
Gravado por Cauby Peixoto
Acompanhamento de Orquestra
Disco Columbia CB-10.109-B, matriz CBO-375
Lançado em dezembro de 1954


 
MOLAMBO
Samba Canção de Jayme Florence (Meira) e Augusto Mesquita
Gravado por Cauby Peixoto
Disco Columbia CB-10.267-A, matriz CBO-769
Lançado em agosto de 1956


 
NADA ALÉM
Fox canção de Custódio Mesquita e Mário Lago
Gravado por Cauby Peixoto
Acompanhamento de Orquestra
Disco RCA Victor 80-1691-A, matriz BE6-VB-1261
Gravado em 22 de agosto de 1956 e lançado em novembro desse ano


 
FLOR DO ASFALTO
Fox canção de J. Thomaz e Orestes Barbosa
Gravado por Cauby Peixoto
Acompanhamento de Orquestra
Disco RCA Victor 80-1691-B, matriz BE6-VB-1266
Gravado em 22 de agosto de 1956 e lançado em novembro desse ano


 
SERENATA
Valsa de Orestes Barbosa e Sílvio Caldas
Gravada por Cauby Peixoto
Acompanhamento de Orquestra
Disco RCA Victor 80-1738-A, matriz BE6-VB-1264
Gravado em 22 de agosto de 1956 e lançado em março de 1957


 
TRÊS LÁGRIMAS
Canção de Ary Barroso
Gravada por Cauby Peixoto
Acompanhamento de Orquestra
Disco RCA Victor 80-1738-B, matriz BE6-VB-1265
Gravado em 22 de agosto de 1956 e lançado em março de 1957


 
CONCEIÇÃO
Samba Canção de Jair Amorim e Valdemar de Abreu (Dunga)
Gravado por Cauby Peixoto
Disco Columbia CB-10.285-A, matriz CBO-770
Lançado em setembro de 1956


 
TAMMY
Valsa de Jay Livingston, Ray Evans e Othon Russo
Gravada por Cauby Peixoto
Acompanhamento da Orquestra de Lúcio Milena e Coro
Disco Columbia CB-11.082-B, matriz CBO-1370
Lançado em 1958


 
MEU AMOR POR VOCÊ
Bolero de Lourival Faissal e Edson Menezes
Gravado por Cauby Peixoto
Acompanhamento de Orquestra
Disco RCA Victor 80-1928-B, matriz 13-H2PB-0312
Gravado em 20 de dezembro de 1957 e lançado em abril de 1958















Agradecimento ao Arquivo Nirez










Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...