sexta-feira, 24 de setembro de 2021

FRANCISCO ALVES E SUAS ÚLTIMAS GRAVAÇÕES

Francisco Alves em São Paulo, 1952.
As Mil Canções do Rei da Voz
Arquivo Marcelo Bonavides

 



Há 69 anos, em uma quarta-feira, dia 24 de setembro de 1952, Francisco Alves realizava suas últimas gravações.  

Sendo contratado da Odeon, a RCA Victor obteve permissão para que ele regravasse quatro músicas do seu antigo repertório na Victor.


As gravações aconteceram no dia 24 de setembro de 1952 e os discos foram lançados em outubro e dezembro desse mesmo ano. As regravações foram: É Bom Parar, samba de Rubens Soares; Foi Ela, samba de Ary Barroso; A Mulher que Ficou na Taça, valsa de Francisco Alves e Orestes Barbosa e Serra da Boa Esperança, samba canção de Lamartine Babo.

Segundo Abel Cardoso Junior, "a RCA-Victor teve da Odeon a permissão para que Francisco Alves regravasse quatro músicas de seu antigo repertório na etiqueta do cachorrinho. Foi Ela foi seu último registro".

Francisco Alves não chegou a ver os discos nas lojas, pois, esse seria seu último registro.


Três dias depois, ele faleceria em um acidente de automóvel na Via Dutra (SP), após retornar de uma bem sucedida apresentação em São Paulo, no Largo da Concórdia.

 


O emblema da RCA-Victor em 1952





É BOM PARAR
Samba de Rubens Soares
Gravado por Francisco Alves
Acompanhamento de Conjunto e Coro
Disco RCA-Victor 80-1046-A, matriz SB-093492
Gravado em 24 de setembro de 1952 e lançado em outubro de 1952


FOI ELA
Samba de Ary Barroso
Gravado por Francisco Alves
Acompanhamento de Orquestra e Coro
Disco RCA-Victor 80-1046-B, matriz SB-093493
Gravado em 24 de setembro de 1952 e lançado em outubro de 1952


A MULHER QUE FICOU NA TAÇA
Valsa de Francisco Alves e Orestes Barbosa
Gravada por Francisco Alves
Acompanhamento de Orquestra
Disco RCA-Victor 80-1050-A, matriz SB-093490
Gravado em 24 de setembro de 1952 e lançado em dezembro de 1952


SERRA DA BOA ESPERANÇA
Samba Canção de Lamartine Babo
Gravado por Francisco Alves
Acompanhamento de Orquestra
Disco RCA-Victor 80-1050-B, matriz SB-093491
Gravado em 24 de setembro de 1952 e lançado em dezembro de 1952
Obs.Nessa versão, ele só cantou as duas primeiras estrofes do poema.







Agradecimento ao Arquivo Nirez










3 comentários:

  1. Eu amo Francisco Alves, Marcelo!!!!
    Tão bom saber que vc tb o aprecia e coloca suas lindas lembranças e voz aqui.
    Vc acredita que eu me apaixonei perdidamente por ele quando tinha só 10 aninhos de idade?? Pois é! Isso foi nos anos 90. Não é uma coisa comum, com certeza, mas eu ouvia e ouço até hoje. Tem cd dele no meu celular, pra eu ouvir durante viagens de carro, essas coisas. Serra da Boa Esperança é uma música que marcou a minha vida. Foi a primeira que eu ouvi dele e ainda hoje ouvi no carro. Belíssimo!!!!
    Seria muito bom se existisse biógrafos dele, para sabermos mais sobre sua história de vida e sua trajetória artística.
    Um abraço
    Dani.

    www.telaprateada.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...