quinta-feira, 1 de julho de 2021

RELEMBRANDO O CANTOR ALBERTINHO FORTUNA

 
ALBERTINHO FORTUNA
Revista do Rádio, 1951
http://memoria.bn.br/





Vamos relembrar o cantor ALBERTINHO FORTUNA.
 
Ele foi um dos garotos prodígios de nossa música popular, estendendo seu sucesso à medida que ia se tornando adulto, angariando fãs em várias décadas.



Alberto Fortuna Vieira de Azevedo nasceu em Vila Nova de Gaia, próxima à cidade do Porto, em Portugal, em 28 de outubro de 1922, quando seus pais estavam por lá a turismo.
 
Transferiu-se com a família para Niterói (RJ) antes de completar um ano de idade. Depois, estudou no Colégio Salesiano Santa Rosa, que era dirigido pelo radialista e compositor Gomes Filho que, no futuro, ajudaria na consolidação da carreira de cantor de Albertinho.
 
Albertinho Fortuna estreou como cantor ainda menino, na Rádio Sociedade do Rio de Janeiro. Convidado por Gomes Filho, ele seria um dos pioneiros na programação da Rádio Sociedade Fluminense, em Niterói.
 
No ano de 1936, Albertinho Fortuna passou a atuar na Rádio Mayrink Veiga, onde o locutor César Ladeira lhe deu o slogan de O Garoto que vale Ouro.
 
Foi muito festejado nesse período pela imprensa carioca.



Fon Fon, 1936
http://memoria.bn.br/




Revista Carioca, 1936
Arquivo Nirez





Gazeta de Notícias, 15 de maio de 1936, p.08
http://memoria.bn.br/




A Batalha, 18 de agosto de 1936, p.04
http://memoria.bn.br/




Correio da Manhã, 23 de junho de 1936, p.08
http://memoria.bn.br/


 
Em 1938, a revista Fon Fon publicou uma nota indicando que ele gravaria, pela Carioca, duas composições de Gomes Filho, a canção Festa Iluminada e o fox Um pedaço do Céu. Porém, somente Festa Iluminada seria gravada, primeiro por Castro Barbosa, em 1942, na Continental, e, depois, pelo próprio Albertinho Fortuna, em 1959, na mesma gravadora.



Fon Fon, 1938
http://memoria.bn.br/


 
Estreou na Rádio Nacional do Rio de Janeiro em 1940, onde ficaria por muitos anos e alcançaria muito sucesso. Em 1943, a rádio criou exclusivamente para o programa Um Milhão de Melodias, o Trio Melodia que era formado por Albertinho Fortuna, Nuno Roland e Paulo Tapajós. No programa, o trio estreou cantando a canção Nancy, de Bruno Areli e Luís Lacerda, que havia sido gravada em 1932 por Moacyr Bueno Rocha e que Francisco Alves gravaria em 1945, com muito sucesso.


TRIO MELODIA
De baixo para cima: Paulo Tapajós, Nuno Roland e ALbertinho Fortuna.
Revista do Disco, 1953
http://memoria.bn.br/

 
Albertinho Fortuna gravou seu primeiro disco em 1944, pela Victor, interpretando o samba de Ataulfo Alves e Mário Lago, Ai que saudades da Amélia, sendo acompanhado pelo conjunto As Três Marias, formado na época por Marília Batista, Bidu Reis e Salomé Cotteli.
 
 
Ai que saudades da Amélia, com Albertinho Fortuna e as Três Marias

 
 
Por sua vez, o Trio Melodia começou a gravar discos em 1945, na Continental, com as músicas De Papo pro Á, de Joubert de Carvalho, e Pregões Carioca, de João de Barro, essa com a participação do cantor Roberto Paiva. O Trio Melodia atuaria por mais de dez anos, gravando cerca de 15 discos pela Continental.
 
 
De Papo pro Á, com o Trio Melodia

 
 
Um dos grandes sucessos na carreira de Albertinho Fortuna aconteceu no Carnaval de 1947, com a Marcha dos Gafanhotos, de Frazão e Roberto Martins. Do outro lado do disco estava o samba dos mesmos compositores, Vou a pé ao Corcovado.


Marcha dos Gafanhotos, por Albertinho Fortuna




No final da década de 1940 gravou alguns discos pela gravadora Star, voltando para a Continental na década de 1950.
 
Na década de 1950, gravou vários discos, registrando novos ritmos em sua carreira como o bolero e, principalmente, o tango. Gravaria vários tangos que foram sucesso no passado e que, em sua voz, retomavam o êxito perante o público.
 
Atento aos novos estilos musicais que iam surgindo, Albertinho Fortuna gravou, em 1959, de Antônio Carlos Jobim e Vinícius de Moraes, Eu sei que vou te Amar, e em 1963, de Luís Vieira, Prelúdio para Ninar Gente Grande.
 
Também gravaria LPs, destacando-se dois pela Continental, Teu Nome é Amor e Tangos Inesquecíveis.
 
Albertinho Fortuna faleceu em Niterói (RJ), em 01 de julho de 1995, aos 72 anos de idade.


ALBERTINHO FORTUNA
Arquivo Nirez


 

 
Confiram alguns recortes sobre sua carreira e algumas de suas gravações.
 
  
 
 
RECORTES SOBRE ALBERTINHO FORTUNA
 
 
 


O Cruzeiro, 1936
http://memoria.bn.br/





Fon Fon, 1940
http://memoria.bn.br/




Fon Fon, 1940
http://memoria.bn.br/




Fon Fon, 1941
http://memoria.bn.br/





A Noite Illustrada, 1942
http://memoria.bn.br/




A Noite Illustrada, 1944 
http://memoria.bn.br/




A Noite Illustrada, 1944 
http://memoria.bn.br/




A Noite Illustrada, 1945 
http://memoria.bn.br/




A Noite Illustrada, 1948
http://memoria.bn.br/






Carioca, 1948
http://memoria.bn.br/




Fon Fon, 1948 
http://memoria.bn.br/




Carioca, 1950
http://memoria.bn.br/






Albertinho Fortuna
Revista do Rádio, 1951
http://memoria.bn.br/





ALBERTINHO FORTUNA
Fon Fon, 1940
http://memoria.bn.br/







GRAVAÇÕES DE ALBERTINHO FORTUNA
 
 
 
 
Albertinho Fortuna no Trio Melodia



DE PAPO PRO Á
Toada de Joubert de Carvalho e Olegário Mariano
Gravada pelo Trio Melodia
Acompanhamento de Francisco Sergi e Sua Orquestra
Disco Continental 15.438-A, matriz 1226-2
Lançado em setembro de 1945


 
CASAMENTO NA ROÇA
Valsa Joanina de Peterpan e Ari Folain
Gravada pelo Trio Melodia
Acompanhamento de Orquestra
Disco Continental 16.078-A, matriz 2076
Gravado em 1949 e lançado em maio/junho de 1949


 
NÃO ADIANTA NEM SANFONA
Toada Joanina de Antônio Nássara e J. Rui
Gravada pelo Trio Melodia
Acompanhamento de Orquestra
Disco Continental 16.078-B, matriz 2077
Gravado em 1949 e lançado em maio/junho de 1949


 
DO PILÁ
Rojão de Jararaca, Zé do Bambo e Augusto Calheiros
Gravado pelo Trio Melodia
Acompanhamento de Conjunto Regional
Disco Continental 16.227-A, matriz 2339
Gravado em 1950 e lançado em julho/agosto de 1950


 
ESTRADA DO CANINDÉ
Baião de Luís Gonzaga e Humberto Teixeira
Gravado pelo Trio Melodia
Acompanhamento de Conjunto Regional
Disco Continental 16.227-B, matriz 2340
Gravado em 1950 e lançado em julho/agosto de 1950
 
  
 
 
Gravações de Albertinho Fortuna
 

 
AI QUE SAUDADES DA AMÉLIA
Samba de Ataulfo Alves e Mário Lago
Gravado por Albertinho Fortuna e As Três Marias
Acompanhamento de Zaccarias e Sua Orquestra
Disco Victor 80-0195-A, matriz S-052869-1
Gravado em 17 de dezembro de 1943 e lançado em agosto de 1944


 
MEU CORAÇÃO TE FALA
Valsa de Pedro Raimundo
Gravada por Albertinho Fortuna e Pedro Raimundo
Acompanhamento de Pedro Raimundo ao Acordeon e Regional de Nelson Miranda
Disco Continental 15.295-A, matriz 1046-1
Gravado em 1945 e lançado em março de 1945


 
ELENITA
Valsa de Pedro Raimundo
Gravada por Pedro Raimundo e Albertinho Fortuna
Disco Continental 15.717-B, matriz 1541-1
Gravado em 09 de julho de 1946 e lançado em outubro de 1946


 
MARCHA DOS GAFANHOTOS
Marcha de Eratóstenes Frazão e Roberto Martins
Gravada por Albertinho Fortuna
Acompanhamento de Orquestra
Disco Victor 80-0489-A, matriz S-078631-1
Gravado em 23 de outubro de 1946 e lançado em janeiro de 1947


 
FUI A PÉ AO CORCOVADO
Samba de Roberto Martins e Eratóstenes Frazão
Gravado por Albertinho Fortuna
Acompanhamento de Regional
Disco Victor 80-0489-B, matriz S-078632-1
Gravado em 23 de outubro de 1946 e lançado em janeiro de 1947


 
VELHO AMOR
Samba de Roberto Martins e Eratóstenes Frazão
Gravado por Albertinho Fortuna
Acompanhamento de Regional
Disco Victor 80-0561-A, matriz S-078810-1
Gravado em 29 de outubro de 1947 e lançado em dezembro de 1947


 
OS MELHORES DIAS DE MINHA VIDA
Samba de Eratóstenes Frazão e Marina Batista
Gravado por Albertinho Fortuna
Acompanhamento de Regional
Disco Victor 80-0561-B, matriz S-078811-2
Gravado em 29 de outubro de 1947 e lançado em dezembro de 1947


 
PAZ COM BRIGA
Marcha de Pedro Caetano e Claudionor Cruz
Gravada por Albertinho Fortuna
Acompanhamento da Orquestra Copacabana
Disco Star 95-A, matriz 95-1
Gravado em 1948 e lançado em dezembro de 1948


 
NÃO DEIXO DE AMAR
Samba de Artur Morais e Roberto Delattre
Gravado por Albertinho Fortuna
Acompanhamento de Raul e Seu Conjunto
Disco Star 95-B, matriz 95-2
Gravado em 1948 e lançado em dezembro de 1948


 
SILENCIOSO
Choro de Dante Santoro e Giuseppe Ghiaroni
Gravado por Albertinho Fortuna
Acompanhamento do Sexteto Fortuna
Disco Star 159-A, matriz S 159-A
Lançado em 1949


 
VIDAS MAL TRAÇADAS
Valsa de Dante Santoro e Sila Gusmão
Gravada por Albertinho Fortuna
Acompanhamento do Sexteto Fortuna
Disco Star 159-B, matriz S 159-B
Lançado em 1949


 
O NOME DELA
Canção Toada de Cláudio Luís
Gravado por Albertinho Fortuna e o Trio Madrigal
Acompanhamento de Gustavo de Carvalho e Sua Orquestra
Disco Star 218-A, matriz 218 A
Lançado em 1950


 
ADEUS MEU RANCHO
Canção Toada de Cláudio Luís
Gravado por Albertinho Fortuna e o Trio Madrigal
Acompanhamento de Gustavo de Carvalho e Sua Orquestra
Disco Star 218-B, matriz 218 B
Lançado em 1950


 
MADRESELVA (MADRESSILVA)
Tango de Luís C. Amadori, Francisco Canaro e Ghiaroni
Gravado por Albertinho Fortuna
Acompanhamento de Alexandre e Sua Orquestra
Disco Continental 16.642-A, matriz C-2957
Gravado em 21 de agosto de 1952 e lançado em setembro/dezembro de 1952


 
CUESTA ABAJO
Tango de Carlos Gardel e Le Pera, versão de Ghiaroni
Gravado por Albertinho Fortuna
Acompanhamento de Conjunto Típico
Disco Continental 16.996-B, matriz C-3404
Gravado em 08 de junho de 1954 e lançado em junho/julho de 1954


 
CAMINITO
Tango de Juan D. Filiberto e G. Peñaloza, versão de G. Ghiaroni
Gravado por Albertinho Fortuna
Acompanhamento de Conjunto
Disco Continental 17.356-A, matriz C-3893
Gravado em agosto de 1956 e lançado em novembro/dezembro de 1956


 
YIRA YIRA...
Tango de Enrique S. Discépolo, versão de G. Ghiaroni
Gravado por Albertinho Fortuna
Acompanhamento de Conjunto
Disco Continental 17.356-B, matriz C-3894
Gravado em agosto de 1956 e lançado em novembro/dezembro de 1956


 
UNO
Tango de H. Discépolo e Mariano Mores, em versão Haroldo Barbosa
Gravado por Albertinho Fortuna
Acompanhamento de Orquestra
Disco Continental 17.523-A, matriz C-4077
Lançado em janeiro/fevereiro de 1958


 
EU SEI QUE VOU TE AMAR
Samba Canção de Antônio Carlos Jobim e Vinícius de Moraes
Gravado por Albertinho Fortuna
Acompanhamento de Orquestra e Coro
Disco Continental 17.720-A, matriz C-4194
Gravado em 1959 e lançado em setembro de 1959


 
FESTA ILUMINADA
Canção de Gomes Filho
Gravada por Albertinho Fortuna
Acompanhamento de Orquestra
Disco Continental 17.769-B, matriz C-4251
Gravado em 1959 e lançado em abril de 1960


 
MALANDRINHA
Canção de Freire Júnior
Gravada por Albertinho Fortuna
Acompanhamento de Orquestra
Disco Continental 17.802-A, matriz C-4313
Lançado em agosto de 1960


 
NOITE CHEIA DE ESTRELAS
Canção de Cândido das Neves (Índio)
Gravada por Albertinho Fortuna
Acompanhamento de Orquestra
Disco Continental 17.802-B, matriz C-4314
Lançado em agosto de 1960


 
PRELÚDIO PARA NINAR GENTE GRANDE
Toada de Luís Vieira
Gravada por Albertinho Fortuna
Acompanhamento de Conjunto
Disco Continental 78-227-A, matriz 78-227-A
Lançado em 1963














Agradecimento ao Arquivo Nirez









Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...