quinta-feira, 17 de dezembro de 2020

NOEL ROSA E SEUS INTÉRPRETES (PARTE I)



 

Noel Rosa foi um compositor que, mesmo vivendo apenas 26 anos, deixou uma vasta e importante obra. Enquanto esteve vivo viu muito de suas composições serem gravadas por diferentes intérpretes ao longo da década de 1930.


Muitos dessas cantoras e cantores são hoje desconhecidos, embora tenham tido seu momento de fama e prestígio.
 
Para que não fiquem esquecidos, selecionei alguns para trazer e dividir com vocês.
 
Começo com o Bando de Tangarás e João de Barro. O famoso grupo onde Noel Rosa fazia parte acompanhou várias gravações e gravou alguns discos, como a marcha Lataria, onde cada um participante canta um trecho. O compositor João de Barro, Braguinha, em começo de carreira também era cantor e fazia parte do Bando de Tangarás. Ele deixou alguns discos gravados.


BANDO DE TANGARÁS



JOÃO DE BARRO
http://memoria.bn.br/

 
A cantora Olga Jacobina (às vezes aparece Jacobino) era irmã da também cantora Chiquinha Jacobina. Embora atuasse no rádio, Olga só gravou um disco, a marcha A B Surdo, de Lamartine Babo e Noel Rosa. Lamartine faz uma participação na gravação.


OLGA JACOBINA
Arquivo Nirez


Ignácio Guimarães Loyola era um tenor conhecido nos anos 10 e 20. No final da década de 1920 e início da década de 1930, gravou alguns discos, inclusive ao lado de Noel Rosa (Com que Roupa?).


IGNÁCIO GUIMARÃES LOYOLA
Arquivo Marcelo Bonavides


Paulo Neto de Freitas também gravou algumas músicas na primeira metade da década de 1930. Um de seus sucessos é a marcha Mulata Fuzileira, de sua autoria e Hervê Cordovil.
 
Moça da chamada “boa sociedade”, Lucila Noronha também atuava no rádio e chegou a gravar duas músicas, ambas acompanhadas pelo Bando de Tangarás. Um lado trazia o samba Agora, de Noel Rosa, e do outro, o samba Que mal eu fiz a você?, de André Filho. Pena que tenha gravado pouco, pois tinha talento e bossa.


LUCILA NORONHA
http://memoria.bn.br/


Canuto ou J. Canuto, além de compositor de sucesso, era também cantor, gravando na Parlophon algumas peças de Noel Rosa e de sua autoria.
 
Pinto Filho era um famoso ator cômico de nosso Teatro de Revista. Gravou vários discos na virada da década de 20 para a de 30, algumas vezes em parceria com Jararaca. Era casado com a estrela do teatro musicado Mariska.


PINTO FILHO
http://memoria.bn.br/


Ruth Franklin foi uma das cantoras lançadas em 1930, que tinha talento e boa voz mas não teve uma carreira duradoura. Gravou vários discos no começo da década de 1930.


RUTH FRANKLIN
Arquivo Nirez


Helena e João Barreto se apresentavam nas rádios e gravaram duas músicas, Não Há Castigo, de Noel Rosa e Donga, e Se Você Quiser, de Cícero de Almeida e Donga, dois sambas.
 
Dina Marques também atuava no rádio e gravou apenas três músicas. Tinha boa voz.


DINA MARQUES
Arquivo Nirez


Nenéo das Neves também gravou pouco, apenas duas músicas, mas boas peças.
 
Arthur Costa era um conhecido ator de Teatro de Revista e cantor conhecido no começo da década de 1930. Gravou vários discos e seu filho, Arthur Costa Filho, seria um conhecido ator.


ARTHUR COSTA
Arquivo Marcelo Bonavides


Ildefonso Norat foi outro conhecido ator do Teatro de Revista que também gravou vários discos e era cantor conhecido desde o final dos anos 20.


ILDEFONSO NORAT
http://memoria.bn.br/


Leonel Faria era um conhecido e prestigiado cantor da primeira metade da década de 1930. Gravou vários discos, tinha muito talento e boa voz, mas faleceu jovem.


LEONEL FARIA
http://memoria.bn.br/


 
 
 
Discos Parlophon
 
 
LATARIA
Marcha de Almirante, João de Barro e Noel Rosa
Gravada pelo Bando de Tangarás
Disco Parlophon 13.248-B, matriz T-12
Gravado em 1930 e lançado em janeiro de 1931


 
NEGA
Samba de Lamartine Babo e Noel Rosa
Gravado por João de Barro
Acompanhamento do Bando de Tangarás
Disco Parlophon 13.272-B, matriz 131064-1
Lançado em janeiro de 1931


 
A B SURDO
Marcha Maluca de Lamartine Babo e Noel Rosa
Gravada por Olga Jacobina
Acompanhamento das Vozes do Outro Mundo
Disco Parlophon 13.273-A, matriz 131067-1
Lançado em janeiro de 1931


 
POR ESTA VEZ PASSA
Samba de Noel Rosa
Gravado por Ignácio Guimarães Loyola
Acompanhamento das Vozes do Outro Mundo
Disco Parlophon 13.288-B, matriz 131084
Lançado em janeiro de 1931


 
SINHÁ RITINHA
Canção de Noel Rosa
Gravada por Paulo Neto de Freitas
Acompanhamento do Bando de Tangarás
Disco Parlophon 13.311-A, matriz 131142
Lançado em 1931


 
AGORA
Samba de Noel Rosa
Gravado por Lucila Noronha
Acompanhamento do Bando de Tangarás
Disco Parlophon 13.312-A, matriz 131112
Lançado em 1931


 
EU AGORA FIQUEI MAL
Samba de Noel Rosa e Antenor Gargalhada
Gravado por Canuto
Acompanhamento da Orquestra Guanabara
Disco Parlophon 13.349-A, matriz 131228
Lançado em 1931


 
ESQUECER E PERDOAR
Samba de Noel Rosa e J. Canuto
Gravado por Canuto
Acompanhamento da Orquestra Guanabara
Disco Parlophon 13.349-B, matriz 131236
Lançado em 1931


 
PESADO TREZE (PESADO 13)
Tango de A. Magaldi, P. Noda, C. Pesce e Noel Rosa
Gravado por Paulo Neto de Freitas
Acompanhamento de Conjunto Típico
Disco Parlophon 13.369-A, matriz 131297
Lançado em 1931


 
NÃO ME DEIXAM COMER
Marcha de Noel Rosa
Gravada por Pinto Filho
Acompanhamento de Gente da Mangueira
Disco Parlophon 13.405-B, matriz 131372
Lançado em maio/junho de 1932


 
FIQUEI SOZINHA
Marcha de Noel Rosa e Adauto Costa
Gravada por Ruth Franklin
Acompanhamento da Orquestra Guanabara
Disco Parlophon 13.413-B, matriz 131379
Lançado em maio/junho de 1932


 
NÃO HÁ CASTIGO
Samba de Noel Rosa e Ernesto dos Santos (Donga)
Gravado por Helena e João Barreto
Acompanhamento de Gente do Peito
Disco Parlophon 13.437-A, matriz 131451
Gravado em outubro de 1932 e lançado em 1932


 
 
Discos Columbia
 
RUMBA DA MEIA NOITE
Rumba de Noel Rosa e Henrique Vogeler
Gravada por Dina Marques e Nenéo das Neves
Acompanhamento do Conjunto Columbia
Disco Columbia 22.073-B, matriz 381137-1
Lançado em janeiro de 1932


 
VOCÊ FOI O MEU AZAR
Samba de Noel Rosa e Arthur Costa
Gravado por Arthur Costa e Nenéo das Neves
Acompanhamento de Simão e Sua Columbia Orquestra
Disco Columbia 22.076-B, matriz 381144
Lançado em janeiro de 1932


 
TENENTES DO DIABO
Marcha Discursada de Noel Rosa e Henrique Vogeler
Gravada por Ildefonso Norat
Acompanhamento da Fanfarra dos Tenentes
Disco Columbia 22.098-B, matriz 381187
Lançado em fevereiro de 1932
 



SEM TOSTÃO
Samba de Noel Rosa e Arthur Costa
Gravado por Arthur Costa
Acompanhamento de Conjunto Regional
Disco Columbia 22.101-B, matriz 381188
Lançado em 1932


 
QUE SE DANE
Samba de Noel Rosa e J. Machado
Gravado por Leonel Faria
Acompanhamento de Conjunto Regional
Disco Columbia 22.101-B, matriz 381189
Lançado em 1932














Agradecimento ao Arquivo Nirez










Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...